Próxima atualização do Windows 10. Saiba o que vem aí



Nova versão do sistema operacional vai ser lançada em breve com mudanças funcionais e estéticas.
A próxima grande atualização do Windows 10 está chegando e, embora tenham surgido mudanças no caminho — nome e data, por exemplo —,  a versão com o nome de código 19H1 tem previsão de liberação para maio de 2019. E a promessa é que o upgrade virá carregado com diversos novos recursos.

As inovações serão funcionais e estéticas. O menu Iniciar receberá um pequeno "facelift", tanto no que mostra aos usuários quanto na maneira como funciona nos bastidores.

Segundo o blog do Windows, muitas das mudanças foram pensadas graças à onda de usuários que desejavam remover aplicativos que vêm pré-instalados no software.

Reprodução

Só por essa razão, agora será possível eliminar blocos fixos de aplicativos no menu Iniciar. Não será necessário fazer isso um por um. De acordo com a imagem abaixo, mais precisamente com a distribuição das peças, você notará que o menu terá uma largura diferente da que estamos habituados. Isso ocorre porque, com a 19H1, as novas instalações do Windows 10 terão um menu inicial de coluna única — dê tchau para a clássica dupla de colunas. A escolha objetiva é "simplificar a experiência" e oferecer um design mais limpo, de acordo com a Microsoft.

 

Reprodução

Outra mudança sutil tem a ver com os botões de navegação no painel lateral do menu Iniciar. Ao atualizar o Windows, o usuário notará que, quando mouse passar sobre os botões, o menu é exibido automaticamente, sem precisar de um clique.

 


Na prática, isso deixa a identificação da função de cada ícone mais simples para quem está usando a máquina. Atualmente, você não sabe para onde cada um pode te levar a menos que clique.

Esta é, talvez, uma das mudanças mais importantes que o menu Iniciar sofreu, ao lado de seu funcionamento interno. Isso porque, a partir do Windows 10 19H1, o menu terá seu processo rodando de forma independente. Isso significa que algo que sempre foi parte integrante da experiência geral do Windows, agora será funcionará como um aplicativo. Os benefícios? Qualquer problema que afete outros elementos do Shell não se arrastará para o menu Iniciar.

A partir do Gerenciador de Tarefas, podemos encontrar o processo de “individualização” do menu Iniciar. Lá você pode encontrá-lo sob o nome "StartMenuExperienceHost.exe". Ali, é possível concluir o processo, reiniciá-lo ou forçar seu fechamento sem afetar o resto do sistema.

Reprodução

Para completar, a Microsoft afirma que, durante os testes com Insiders, a velocidade do menu foi melhorada — a fabricante promete que o processo será significativamente mais rápido.
 

Fonte: Olhar Digital https://olhardigital.com.br/noticia/a-atualizacao-do-windows-esta-chegando-e-a-microsoft-promete-muitas-mudancas/85040

Tecnologia